Categories
Lista de Peixes para Aquário

Acará Disco

Acara DiscoNome vulgar: Acará Disco
Nome científico: Symphysodon Discus
Família: Ciclídeos

O Acará Disco é um dos ciclídeos mais conhecido e admirado pelos aquarista, ganhou esse apelido de “Disco” pelo seu formato redondo, um disco adulto tem 20 cm de comprimento para 3 cm de espessura. Esse lindo peixe é originado do nossa país da região dos Igarapés na Amazônia, ele acostuma bem ao um cativeiro se o mesmo for bem preparado.

Este ciclídeo gosta de aquários com espaço para se movimentar(um aquário de 100lts é possível manter até5 discos), não exagere nas plantas, coloque algumas Cyptocoryne, e um tronco para acidificar a água naturalmente, já que esse peixe gosta de água com o PH em 6,6 a 6,8, a água deve ser mole e tropical, com a temperatura em 28 a 30 graus. Se você pretende colocar um Disco em seu aquário comunitário, aconselho tomar umas regrinhas antes; os peixes não podem ser muito pequenos, não podem ser agitados demais e que não sejam agressivos ou territorias.

Os Discos não gostam de água movimentada, portanto não exagere nas bombas submersas, pois uma forte correnteza seria muito “estressante” para eles. Na iluminação também, deve ser suave, para dar um contraste ainda melhor para eles, escolha um substrato escuro.

Reprodução:

Os Disco alcançam a maturidade sexual com um ano de idade, a reprodução não é díficil de se conseguir em cativeiro, o díficil é o reconhecimento do sexo, já que o macho e a fêmea são idênticos. Mas se conseguir formar um casal e eles se simpatizarem o par irá escolher um local para a fêmea desovar, normalmente é em plantas, mas pode ocorrer de desovar em pedras e troncos. O casal irá limpar o local antes da fêmea desovar, e só assim a fêmea soltará cerca de 400 óvulos(demora uma hora em média a desova) e o macho os fertilizará, ficarão incubados por 2 dias.

Eles abanaram os ovos de forma alternada, para evitar que o oxigênio seja fraco e proporcione ataques por fungos. Depois de dois dias os ovos irão eclodir, vão ficar presos a pequenos filamentos por mais 3 dias absorvendo o saco vitelino. Depois que eles começarem a nadar irão se alimentar de uma secreção que é expelida pela escama dos pais, como se estivessem “mamando”. Pode ocorrer o acontecimento anormal dos pais devorarem os filhotes, por isso alimente bem os pais.

[ad]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *