Categories
Peixes de Água Doce

Dicas para Criação de Kinguios

Aquário de Kinguios (Calda-de-Véu)

Sem dúvida alguma montar e manter um aquário para a criação e manutenção dos peixes Kinguios ou “dourados cauda-de-vél” como é mais comumente conhecidos é muito simples e prática. Essa espécie de peixes possue uma variedade imensa, de várias cores e formas.

São peixes pacíficos e de muito baixa agressividade que não devem ser misturados com outros mais vorazes. Se adaptam bem a um tanque sem muitas “frescuras”. Um filtro biológico de fundo simples e um compressor de ar, são muitas vezes suficientes para manter a qualidade de vida no tanque. Esse tipo de peixe normalmente requer espaço para nadar, poriso recomendamos pouca iluminação. Como gostam de se alimentarem de plantas e algas, manter plantas artificiais é muitas vezes uma boa solução. Já que provavelmente eles irão destruir as naturais.

São peixes de grande resistencias, e seu tamanho pode variar de espécie a espécie. São muito chamativos pelas suas cores e formas váriadas. Algum possuem caldas longas que chamam muito a atenção de quem passa na frente do aquário.

É importante também resaltar que o P.H da água preferido desse tipo de peixe é alcalino. Poriso recomendamos manter um cascalho calcáreo para manter a duzera da água semre altos, em entre 7.0 e 8.0 no máximo.  Caso você possua um cascalho neutro ou troncos mortes que normalmente aumentam a acidez da água, tamponadores serão recomendado a fim de trazer o P.H na medida adequada para essa espécie.

 As doenças mais comuns desses peixes, são os fungos e ictios. Porém por serem animais muito resistentes, basta utilizar um tratamento adequado e logo estarão recuperados. A manutenção não é muito diferente se comparado a outros tipos de peixes, e consiste numa troca parcial da água entre 20% à 30%, limpeza dos filtros externos de partículas e remoção das algas nos vidros.

[ad]

Categories
Plantas Aquáticas

Aquário de Água Doce com Plantas

Planta Aquática

Todos nós sabemos que grande parte da beleza de um aquário de água doce não são somente os peixes. Na verdade, existem muitos aquaristas que possuem tanques imensos com praticamente uma quantidade limitada de peixes, onde todo o ênfase da beleza é dada as plantas aquáticas, trocos mortos e rochas.

Num aquário com várias plantas o meio ambiente aquático é reproduzido com muito mais qualidade que se reflete tanto na água quanto na qualidade de vida dos peixes ornamentais. As plantas não só embelezam como também exercem um grande papel em dar proteção aos peixes que se sentem ameaçados, e abrigo para aqueles animais que vêm a necessidade. Já que algumas espécies possuem um comportamento diferenciado, o qual necessita um tanque rico em plantas.

Na parte técnica, basicamente devemos nos concentrar na iluminação, filtragem e aquecimento.

A iluminação é parte fundamental no bom desenvolvimento da vida marinha, sem ela as plantas não cresceram como esperado, podendo vir até a morrer e consequentemente contaminar a água do aquário. Um aquário ornamental que recebe um pouco de luz natural é sempre bem vindo, porém é preciso cuidar que o execesso de luz juntamente com o execesso de nutrientes na água não venha a criar algas e musco aquático que nesse caso não são bem vindos.

Entre 8 à 10 horas de luz por dia é o recomendado para o aquário. Hoje em dia existem diversos filtros que já são construidos para um aquário com bastate plantas, entre eles alguns importados possuem até um injetor de CO2. O CO2 é para as plantas como o oxigênio é para a vida animal. Uma boa quantidade de CO2 na água ira proporcionar plantas mais saúdaveis e aumentar o seu crescimento. No nosso site, existe um tutorial de como contruir um injetor de CO2 caso queira, com um custo super baixo.

Com relação a fixação das plantas, um substrato natural de terra adubada que não possua chumbo ou qualquer agrotóxico são um bom começo. A terra pode ser colocada no fundo e no topo uma camada de cascalho de 3 a 6 mm já é o suficiente para o bom crescimento das plantas.

Lembre-se também que como sua planta de jardim, a do seu aquário também requer poda, ja que o execesso também pode ser prejudicial tanto para os peixes como estéticamente.

[ad]