Lista de Peixes de Água Doce

By • Mar 19th, 2008 • Category: Peixes de Água Doce

Guppy Oriundo de Trinidad, Barbados e países sul-americanos vizinhos. Os machos medem 3,5 cm a as fêmeas 5,5 cm. Este espécime é um macho cauda-de-véu vermelho. A nadadeira anal modificada(gonopódio) aparece, nesta foto, claramente torcida para a frente. O gupi ao natural não é tão grande nem tão colorido quanto este.

Guppy Fêmea Delicado exemplar fêmea, com grande exuberância de cores em todas as nadadeiras. A nadadeira anal da fêmea é normal. O melhor é manter as fêmeas separadas dos machos quando atingem a maturidade sexual, para se evitar cruzamento não desejados. As fêmeas produzem cerca de 100 filhotes a cada quatro ou cinco semanas.

Plati De origem mexicana, chega aos 7,5 cm. Este é um plati vermelho, macho. Há muitas variedades de cores entre os platis, incluindo-se o limão, o preto, o manchado, o pôr-do-sol e o vermelho-coração. O plati “abana-cauda” tem nadadeiras pretas e o corpo vermelho ou amarelo. A fêmea dá à luz cerca de 100 filhotes a cada quatro ou seis semanas.

Plati Variatus Mexicano. Os machos crescem até 5 cm, sendo as fêmeas um pouco maiores. Um casal “nadadeira-alta”, o macho à direita e a fêmea, barriguda, à esquerda. Esta espécime é parente próxima do espada e do plati. O “nadadeira-curta” é a variedade que se vê comumente nas lojas de peixes. Esta variedade foi obtida cruzando-se um espada de nadadeira alta com um plati variatus de nadadeira curta.

Plati Vermelho Outra variedade de cor do plati, desenvolvida pelo famoso geneticista Dr. Myron Gordon. Ele cruzou um cometa-cinza(variedade com uma linha preta forte nas bordas superior e inferior da cauda) com um plati dourado, e o resultado foi um plati cinza com nadadeira pretas – a “reação abana-cauda”. Um cruzamento posterior deu “abana-caudas” dourados.

Espada Nativo do México e países vizinhos da América Central. Ao natural, as fêmeas se desenvolvem até 12,5 cm, sendo os machos um pouco menores. Não é comum ver-se espécimes de aquário com esse tamanho. Este peixe é um espada vermelho, facilmente identificável como macho por causa de sua espada. A espada só aparece nos machos e serve apenas de enfeite.

Espada Cauda-de-Lira Os caudas-de-lira caracterizam-se pela extensão de algumas pontas da nadadeira caudal, produzindo uma cauda em forma de lira, e pela extensão da borda da nadadeira dorsal. Outra característica é o gonopódio do macho muito comprido – tão comprido que às vezes não funciona.

Molinésias Este peixe, fêmea, os dois de baixo(ambos machos) são a forma nornal de molinésias pretas. Os outros dois pertencem à variedade cauda-de-lira, conhecida como molinésia cauda-de-lira. Jamais coloque conchas marinhas em aquários de água doce, como se vê aqui. O cálcio da concha se dissolve e a água torna-se muito dura.

Molinésia Preta Esta é a molinésia preta mais comum no mundo dos aquários. A forma selvagem encontra-se amplamente distribuída na América Central, com muitas variedades. Ela é verde-oliva com manchas cinza nas nadadeiras. A molinésia preta é fruto da manipulação do homem, desenvolvida por meio de uma reprodução seletiva. Prefere tanques com plantas e algas.

Néon-Cardinal Oriundo do Rio Negro, um dos afluentes do Rio Amazonas. Mede 4,5 cm e é um dos peixes mais bonitos, com sua risca azul-luminosa. Os machos só se distinguem das fêmeas pela aparência mais esbelta. É de difícil reprodução em aquário, precisando de água mole e ácida, sem areia, com espuma de náilon. O tanque não deve receber luz até os alevinos nadarem livremente.

Tetra Buenos Aires Peixe do Rio da Prata. É robusto e por vezes briguento, mordendo as nadadeiras dos outros peixes e as plantas delicadas. Chega as 10 cm. Reproduz-se à maneira dos demais caracídeos, não precisando, porém, das temperaturas altas dos caracídeos amazônicos – desova a 24ºC.

Mimosinho Provém da Guiana e das regiões vizinhas do Brasil. Alcança 5 cm e vive por quatro ou cinco anos, se mantido em água mole. Como acontece com inúmeros outros peixes de aquário, há controvérsias quanto ao seu nome científico : algumas autoridades chamam-no de Hemigrmmus gracilis. Reproduz-se ao modo dos caracíceos. Mantenha, contudo, o tanque coberto com jornal, impedindo a luz, durante a desova e até os alevinos nadarem livremente.

Engraçadinho Brasileiro, de 4,5 cm. Caracteriza-se por sua cor, pelas duas barras verticais no tórax, por suas nadadeiras cor-de-fogo, com uma borda fina preta na nadadeira anal. Reproduz-se facilmente, precisando de água mole e do aparato normal para os caracídeos. Ao longo dos anos, por causa de sua facilidade em procriar e da falta de critério seletivo dos aquaristas, sua cor degenerou.

Néon Negro Nativo do Rio Taquari(Mato-Grosso). Atinge 5 cm. Os machos são mais finos e um pouco mais coloridos que as fêmeas. Um peixe pacífico, de meia-água, ideal para um aquário comunitário. É mais difícil de se reproduzir que o engraçadinho, sendo que, pode se conseguir, bastando criar-se as condições requeridas pelos caracídeos, em um tanque escurecido.

Disticodus-de-seis-faixas Africano, pertence à família dos citarinídeos, parente dos caracídeos. Chega aos 25 cm e é herbívoro. Não é aconselhável para um aquário comunitário. Afora os alimentos comuns, deve-se dar-lhe alface ou espinafre. Não se tem notícia de reprodução em aquário. As outras duas espécies deste gênero, D. affinis e D. fasciolatus, não são tão ricas em colorido.

Borboleta Listrada Originário do Brasil e da Guiana, crece 4,5 cm. Pertence à família dos gasteropelicídeos, com oito espécies de peixes-borboleta conhecidas pelos aquaristas. Preferem água mole. As. nadadeiras peitorais são grandes permitindo-lhes deixar a água e “voar”. O tanque deve ter uma tampa. São raros os casos de reprodução. Normalmente, nadam logo abaixo da superfície.

Acará Disco Ao natural, pode atingir até os 20 cm de altura. Originário da região amazônica, onde é largamente difundido e, como freqüêntemente acontece com peixes de diferentes áreas, tem numerosas variedades de cores – marrom, azul, verde, vermelho. Os da foto são acarás-disco marrons. Exige água extremamente mole(desmineralizada) a 28-30ºC.

Acará Bandeira Ocorreram numerosas variações nas cores do acará-disco nascido em aquário, nos último anos, ou por mutação ou por combinação de genes. Assim se produziram as seguintes variedades: “fantasma”, sem barras; “listrado”, com um aumento de pigmentação preta nas escamas; “mármore”, com barras quebradas para baixo; “coração-sangrado”, com uma grande mancha vermelha sob as guelras, e o preto.

Acará Bandeira Este peixe tem coloração preta nas listras e, além disso, apresenta extensões nas nadadeiras – a cauda-de-véu. Esta é outra mutação, já fixada por meio de criação seletiva. Para a desova, o acará-bandeira deve ter um pedaço de telha, sobre o qual deposita os ovos. Depois da postura, retire os pais e incube os ovos com uma corrente de bolhas de ar, em substituição ao abano dos pais.

Acará Ouro Um dos ciclideos mais comuns do Lago Niasa(Maluari). O peixe de baixo é macho. Esses cilcideos alcançam 10 cm. Devem ser mantidos em água dura e adaptam-se a comer algas, bem como alimentos vivos. Não desprezam uma mistura de coração cru com espinafre. São muito agressivos e, por isso, não se prestam a um aquário comunitário – conserve-os com outros ciclideos malauenses do mesmo tamanho. Incubam os ovos na boca.

Peixe de Barriga Oriundo da Tailândia, onde vive nos campos inundados de cultivo, açudes, charcos e córregos. Na Tailândia, promove-se brigas desses machos, com apostas, como brigas de galo em outros países.

Peixe Barriga Vermelho Um esplêndido macho. Por causa de cruzamentos entre bettas azuis e vermelhos, muitos dos peixes-de-briga vermelhos apresentam hoje sombras de azul, e não se reproduzem vermelhos puros. O macho dessa família deve ser mantido em um tanque separado com duas ou três fêmeas. Nem pense em colocar dois machos no mesmo aquário – lutarão até a morte. Cresce cerca de 6,5 cm.

Colisa Anã Nativa da Índia, atinge 5 cm. Note as barbelas longas, como antenas, e as barras azuis quebradas no corpo. É um peixe tímido. Constrói um ninho de bolhas de ar, sendo um típico desovador em ninhos de bolha.

Rasbore Arlequim Originária da Malásia, Sumatra e Java. Mede 5 cm. Vive bem em aquário comunitário. De difícil reprodução. Precisam de água mole. Três casais são usados durante a desova. Deposita os ovos sobre uma folha larga.

Rasbora Palhaço Originário da Malásia, cresce 7,5 cm. Os machos são mais delgados que as fêmeas. Prefere água mole e ácida. O período de aclimatação ao aquário é sempre delicado. Alimenta-se se comida seca. Desova à maneira típica das rasboras, precisando de água mole e ácida, uma turfa bem preparada ou fibras de coco.

Barbo Sumatrano O mais procurado dos barbos, nativo da Sumatra. Cresce 6,5 cm. É difícil distinguir o macho da fêmea antes do amadurecimento, quando o macho adquire um nariz avermelhado, nadadeiras mais vermelhas e torna-se mais esbelto. Onívoro, é bom peixe para aquários comunitários. Mas morde as nadadeiras dos peixes que se movimentam com lentidão.

Barbo-lasteristriga Um dos maiores barbos, chega aos 20 cm. Do sudeste Asiático. O nome de barbo T é devido às marcas do corpo, visíveis na foto. Tem dois pares de barbelas, usados na busca de alimento pelo fundo do tanque. A despeito de seu porte, come de tudo, inclusive ração seca. A única distinção aparente dos sexos é o corpo mais profundo e roliço da fêmea.

Barbo-cabeça-de-sangue Provém do Ceilão, onde vive em rios lentos. Mede 6,5 cm. Varia consideravelmente na cor. Quando jovem tem cor-limão-pálido, com faixas pretas. Aprontados para a reprodução, os machos adultos são magníficos, com cabeças vermelho-alaranjadas e corpos pretos. Sua reprodução é relativemente fácil, no esquema dos peixes que desovam ao acaso.

Paulistinha ou Zebrinha Um favorito dos aquaristas, proveniente da Índia Oriental. Mede 3,5 cm. Os machos são mais delgados que as fêmeas. É um peixe ativo e pacífico, ideal para aquário comunitário. Desova rapidamente. Para proteger os ovos dos pais, deve-se colocar duas ou três camadas de mármore polido no fundo do tanque. Assim que a desova acabar, remova os pais.

41 comments on »

  1. Estou muito preoculpado por meus peixes já estão todos adultos e eles podem parir 100 peixes.

  2. Gostaria de saber mais sobre reprodução de Kribensis, tenho dois casais mais não concigo reprodusir!

    Desde já obrigado!!!!

    Eder da Silva///Bangu///Rio de Janeiro

  3. ESTOU PREOCUPADO ,POIS UM PEIXE DO MEU AQUARITO,ESTÁ COM BOLINHAS BRANCAS EM SEU CORPO.
    AS MESMAS APARECERAM EM POUCOS DIAS E ESTÃO ESPALHANDO RAPIDO.

  4. Marcelo, meu antigo aquário tb deu isso nos peixes, isso se chama “ictio”, é um tipo de parasita que ataca o peixe e acaba meio que “comendo” várias parte, incluisve rabo e nadadeiras, é bom resolver logo o problema, pois pode causar a morte dos peixes, tem remédio!!

  5. OLA!!!!!
    GOSTARIA DE SABER DE TUDO SOBRE OS PEIXES COMETAS….EU TENHO UM COM A CABEÇA TODA VERMELA(MACHO) E TENHO TAMBEM UM QUE É ROSA-VERMELHADO(FÉMEA)
    POR FAVOR AJUDA-ME!!!
    GOSTAVA ERA DE SABER COMO É QUE SE PRODUZEM!!!!!
    OBRIGADA!

  6. ola
    estou muito preoculpada na areia do meu aquario anda aparecendo umas listras pretas, e nao sei o que é.. e tive peixinho que morreram. Será que foi por causa da linha preta na areia… PORFAVOR ME AJUDEM!!! nao sei o que faço mais… troquei a agua e to esperando que os outros vivam mas estou preoculpada…

  7. Boa tarde, gostaria de saber alguns pormenores sobre os peixes cometa, tenho 5 neste momento mas já tive muitos mais so que têm vindo a morrer. nao entendo o porquê pois acho que tenho as condições suficientes para cuidar deles, comprei um aquário de 60 e quê litros com bomba de oxigènio e motor de limpesa da agua só que mesmo assim parece que nao é o suficiente. Por favor se me puderem ajudar, é que me custa mesmo muito vê-los ali naquele sofrimento. já agora qual é a comida ideal para eles.

    Obrigada…

  8. Filipi os kinguios são peixes muito difíceis de reproduzir em aquários, o que posso dizer é que eles reproduzem mais ou menos na primavera,foi o que aconteceu comigo.
    No aquário deve ter pelo menos dois machos para uma fêmea e ter plantas flutuantes, na época de reproduzir os machos perseguem a fêmea o tempo todo e eles acabam desovando nas plantas flutuantes depois da desova você deve retirar as plantas e colocar em um aquário ou recipiente oxigenado e em cerca de Três dias os alevinos nascem,após mais três dias eles começam a se alimentarem e você deve dar a eles larvas que vende nas casas especializadas e gama de ovo,quando eles crescerem mais um pouco e comaçarem ficar bem espertos dê também ração para alevinos que tem nas lojas,eu espero que tenha te ajudado por que foi o que fiz com os que eu criava e deu certo.Até!

  9. oi eu ganhei um peixe beta macho vermelho meio pro rosa…..e eu estou procurando um nome bem legal para ele…

  10. caracas eu nem sei o nome do meu peixe

  11. oi tenho betas ,acara ,oscar,tilapia,plati,e etc mande nomes d peixes bonitos pra min criar!!!!!!!!!

  12. podem me dizer qual a temperatura para o peixe beta?

  13. eu quero fotos de peixes e do lado os nomes

  14. Oi gostaria De Sabe Como Farço Para mata á Doenças de Leludos ? Obs: Estou com Peixes Doentes , e Tambem PARA EVITA .. Obrigrados!

  15. tive algun peixes espadas , mas um deles que era fêmea virou macho por não ter acasalado com o macho . desde wentão de dois em dois anos vira para o sexo oposto, será possivel haver emafroditas no mundo dos peixes? miguel ângelo -benguela-angola

  16. Olá! tenho 2 acarás pequeno e um grande no meu aquario comunitario e de uns tempos pra ca venho notando umas manchas vermelhas parecendo manchas de sangue proximo a boca e nas nadadeiras do acará maior e semana passada um gupi apareceu morto, estava so a metade, como o acará é o maior peixe do aquario eu axo que deve ter sido ele que matou o gupi, me de uma ajuda, pois estou muito preocupada.
    OBG

  17. GENTE, OLHA O Q ACHEI:

    É SÓ PRA QUEM TEM PEIXE BETA…
    O Beta, também conhecido como “peixe de briga” pertence à família dos Anabantídeos.

    É um peixe originário da Tailândia, e seu nome vem de uma tribo de índios chamados bettah.

    Os machos da espécie são muito violentos e não podem conviver com outro macho no mesmo aquário por isso são chamados de peixes de briga.

    Em seu habitat natural, os Betas vivem em águas paradas e mal oxigenadas. O Beta, diferente de outros peixes que respiram submersos através das brânquias, consegue retirar oxigênio da atmosfera graças à presença de um órgão auxiliar chamado labirinto. Os aquários específicos para se criar o beta são chamados de betários e medem aproximadamente 15x12x12cm. Este tipo de aquário não necessita de nenhum equipamento, por isso o custo de aquisição e manutenção de um aquário de Beta é muito baixo.

    Deve-se trocar parcialmente a água do aquário de um Beta a cada 10 dias, podendo ser água mineral ou filtrada, sempre à temperatura ambiente.

    A alimentação dos Betas deve ser através de ração específica encontrada em lojas especializadas e oferecida duas a três vezes ao dia em uma quantidade que o animal consiga comer em minutos. O que sobrar deve ser retirado do aquário.

    Os Betas são peixes resistentes que podem viver vários anos desde que você siga estes cuidados:

    • Procure deixar o aquário em um local com luz, sem raios de sol direto para evitar que a água fique muito quente;

    • Evite deixar o seu peixe em locais com cheiros fortes como tinta, gordura ou em locais muito frios.

    • Retire do aquário o excesso de alimento não ingerido. Lembre-se que este aquário não tem filtro.

    • Não esqueça de trocar parte da água do seu Betário a cada 10 dias.

    • Nunca coloque dois machos no mesmo aquário, pois eles brigarão e provavelmente os dois morrerão.

    • Evite variações de temperatura. A temperatura do Betário deve ficar em 25º C. No inverno, uma lâmpada pode ajudar a manter esta temperatura

  18. eu to com o tetra 2 preto só que um deles ta ficando tranparente o outro não

  19. EU TAMBEM PERDI UM ACARA BANDEIRA EU COLOKEI E ELE MORREU PORQUE OS COLINAS COMERAM ELE E ELS SÃO PEQUENOS

  20. ola, gostaria de saber como colocar peixe espada para reproduzir!?
    alguem me ajuda por favor!!

  21. johnatan para o peixe espada reproduzir vc precisa deixar apenas o macho e a fêmea em um aquário médio,eles rapidamente vão reproduzir eles não colocam óvulos e sim apenas os peixes,ou seja, a fêmea não coloca óvulos ela coloca só peixes,vlw.

  22. é assim eu tenho um aquario com 4 peixinhos dourados, mas um deles está como se morto (não se mexe, está sempre inclinado para a direita e a sua barbatana está para cima “como se estivesse partida”, o que nao vejo nos outros) este peixe era muito activo muito querido, mas parece que esta morto sempre inclinado para a direita e para baixo, também ponho a comida abitual mas ele nem lhe liga, enquanto os outros comem ele continua parado junto da bomba de limpeza, pois é puxado pela força da agua para lá. Estou muito preocupado pois nao e tipico deste peixe estar tao quieto como está. Reparei também que é o mais pequeno de todos e a guelra do lado direita é muito mais pequena a conparar com a outra e nao abre esta guelra. Alguem me ajude!!

  23. esquecam pessoal… meu peixinho morreu
    :’(

  24. eu troquei a agua do meu aquario como costumo fazer; separo um terço da agua já com os peixes dentro, e faço a limpesa completa do restante do material em agua corrente, isso tambem inclui o aquario q deve medir aproximadamente 50 ctm d altura e 25 d largura. Faço esse limpesa a cada 6 meses, e d mes em mes faço so renovaçao da agua em toro d 1 litro por mes. só q hoje infelismente meu Acara bandeira sentiu a troca da água e veio a falecer, no mesmo aquario, tenho platiz e paulistinha q tambem sentiram a troca da água,ficando o tempo todo no fundo do aquario, isso dpois q recoloquei todos eles de volta pro aquario apois 2 hora pra dar tempo do cloro aminizar, ja q pela primeira vez nao usei o anti cloro. o platiz e os palistinhas a tarnco e barranco sobreviveram, mais meu Acara que tanto amava morreu, ele ficou com a barbatanas toda vermelha e meio esbranquiçado, o ph tava em torno do mesmo ph anterior, porem hoje tava o tempo muito frio em torno dos18″graus. oque poderia ter ocorrido???foi o tempo ( a água fria ) ? ou o anti cloro??? por favor me ajude, nao vou desistir de criar peixe meu Acara ja tinha 2anos comigo ja me conhecia. e sempre majestoso. obrigado e aguardo.antenciosamente. PIERRE HASPEL

  25. Eu preciso da ajuda de voces. Eu tenho um peixe ornamental a quase 2 anos. E ele sempre fo mt comilão, mas de umas dias pra ca, ele nao ta comenda nada. Voces acham que ele pode estar morrendo? Ele é um peixinho dourado.

  26. vcs deverian postar as fotos de cada especie
    vcs terao +audiencia

  27. Oi , Vcs Vão Dar risada do peixe que crio LAMBARI !!

    Mais eu queri saber como descobrir c meus lambari é macho ou femia ?

    Alguem me ajuda ?

  28. Oi , Vcs Vão Dar risada do peixe que crio LAMBARI !!

    Mais eu queri saber como descobrir c meus lambari é macho ou femia ?

    Alguem me ajuda ? E quantos centimetros ele tem ki te para acazalar

  29. ola meu peixes nao duram uma semana no meu aquario o q eu faço?…#

  30. Muito obrigada ,precisa mesmo de tuda esta informação.Muito obrigada mesmo!Fiquei muito feliz que exista sites com tuda esta informaçao para as pessoas que necessitam tal como eu.

    Adeus! :) :) :)

  31. se seus peixes estão combolhas brancas isto é fungos joque umas seis pedrinhas de sal grosso

  32. olá. gostara de saber tudo sobre reprodução do peixe calda de veu..
    como faço posso deixar só a fêmea reproduzir?
    ou não?
    por favor me ajude..
    tenho uma fêmea com um barrigão..
    obrigado..
    qual o melhor peixe para reprodução e mais rápdo?

  33. viiixe to ferrado
    eu to com uma platy e espada gravida

  34. oi pessoal

  35. Olá preciso fazer um trabalho, e gostaria de saber: Estão realmente todos os peixes de água doce aqui?

  36. tenho um molinesia preto filhote e ele esta no aquario de beta , como faço pra limpar o aquario, posso colocar só a agua filtrada pois a agua ta muito suja…aguardo a resposta o mais rapido q puder

  37. Sobre o comentário de nº33 do Ruy
    Ruy vc não está ferrado vc está muito bém!!! Pois os platys e os espadas são peixes lindos e dão muito destaque no aquário, mas tenha cuidado após o nascimento e separes-os das mães pois elas podem comer suas crias!!

  38. Sobre o comentário de nº 29 do Jhoni
    Jhoni vc deve está colocando seus peixes em aquário inadequado ou sua água não está sendo preparada devidamente como manda a regra pose ser tambem que vc está colocando seus peixes diretamente na água. Quando for colocar os peixes no aquário, coloque-os com a água que veio com eles dentro de uma sacolinha trasparente e coque dentro do aquário com água por uns 20 minutos em seguida tire-os da sacolinha e solte definitivamente no aquário.
    Para melhor te ajudar seria melhor vc explicar como vc esta fazendo que seus peixes estão morrendo aí sim poderí-amos te orientar melhor. Abraços e lembre-se suas dúvidas podem ser as mesmas de outras passoas. Aguardo uma resposta

  39. Galera vou contar uma historinha pra vcs’ …
    Era uma vez um betario com dois beta femea (uma completamente Vermelho sangue. E uma completamente azul marinho). E um casal de Guppy’ “S.R.D” (SEM RAÇA DEFINIDA)… Passaram-se quase 3meses’ de convivência passifica’ e um dia inexplicavelmente uma beta simplesmente SOME(a azul) antes do ocorrido poude notar-se uma certa doze de agrecividade na beta vermelha em relaçao a aproximação dos demais “moradores” enquanto a pobre azul sempre foi calma’ simplesmente tranqüila’ totalmente “Peace end Love” rsrsrs’
    Sera que a vermelha pod ter matado ela?’ Ou ela Pulou do aquarii e morreu no seco e meu pai nai quis me contar???’
    E dramatico meis e serio….. Uq sera que aconteceu com a baby blue’(e o nome da finada’ beta azul) e os Guppy,(jhay & Kaille) sera que estao seguros???’

  40. A aproximadamente 2meses eu comprei um aquario de 12Lts (pequeno) e nele ha 1beta fêmea, 5Guppy (“Vira-Lata”), 1Plati, 1 paulistinha, 1Olho cor-de-fogo.. Alguns enfeites artificiais… Eles viven passificamente, de vez en quando um corre atraz do outro, da umas beliscadinhas, etc… Mais ate hj eu ainda nao percebi nenhum machucadinho, nadadeira rancada, mancha, trauma, ou mesmo morte! De.nenhum dles…. Eu sempre observo mt o aquario, sou fascinada por ele’ mais me preocupo com meus “bebes”, sei que nao e mt correto, acho que tem mt peixiinho la dentro, mais minha casa e pequena, nao da pra colocar um aquario mt grande aqui….
    Mais pretendo comprar um de 50 ou 80 litros, que cabe na sala, e quero colocar um tronco de AROEIRA’ e algumas plantas naturais’ e mais peixinhos nele, Quero Impressionar familia, amigos e visitas’ com uma variedade de “bixinhos”.. Quero 2Cascudos, 2limpa vidros, 3 Colisa, 2Mato Grosso, Eu estou louca atras de um camarão ha um.bon tempo, e que aqui na minha região(city) nao e tao facil assim alguns materiais, e quem sabe 2 a 3 caranguejos’ e dar pelo menos mais um amiguinho de preferência do sexo oposto pros que eu ja tenho en casa que estao “sozinhos” …..
    Num sei se deu pra perceber mais gosto de exagerar!!!’
    MEU MEDO!! —> Sera que essa Variedade de Peixinhos nao vai causar conflito??’ posso colocar o camarao e os caranguejos juntos?’ eles nao “vao se matar”??’ e os cascudos e os limpa vidro?’ vao se dar bem.com os caranguejos ou com o camarao?’ caso o camarao e os carnguejos nao se “derem bem” eu posso colocar caramujo com algum deles?’
    E quanto as plantinhas naturais eles vao acabar com elas?’
    Por favor me ajudem……. EU QUERO MONTAR MEU NOVO AQUARIO NO INICIO DE AGOSTO!!’

  41. Galera, minha molinesia preta pariu hje, mas só foi um peixinho só, isso é comum da raça?
    Ou com quanto tempo q ela coloca o proximo.

    Alguem sabe me dizer a respeito disso?

    Abraços

Leave Comment